Bolo Cremoso de Milho de Liquidificador

Postado em Bolos, Clássicos, Comfort Food, Comida de Fazenda, Comidinhas da Oli, Doces, Fácil, Gastronomia Funcional, No forno, Receitas Especiais (s/ Glúten/Lactose), Receitas Rápidas - 29 de junho de 2016

Bolo Cremoso de Milho de Liquificador capa_Blog Figos & Funghis

Um dos meus bolos preferidos é o bolo de milho, tanto que ele já passou algumas vezes por aqui, mas me dei conta de que esta versão com coco fresco e que fica bem cremosão por dentro, típica das festas juninas ainda não tinha sido publicada, apesar de ser a preferida do marido e eu fazer todos os anos quando começam a surgir as espigas fresquinhas e amarelinhas nas prateleiras do hortifruti. Esta receita é boa pra fazer com milho da espiga, pois o sabor é realmente diferenciado. Outra razão para eu amar esta receita é que ela é muito prática, pois todos os ingredientes são misturados direto no liquidificador! Quer coisa mais fácil que isso?!

 

Também gosto muito desta receita pelo fato de ela não ser exagerada no doce. Já vi muitas receitas que levam leite condensado misturado com açúcar (!!!), e outras que as quantidades de açúcar são absurdas. Eu não gosto de bolo muito doce, gosto de doce na medida certa, bem equilibrado e que torna possível sentir o sabor dos outros ingredientes, além do fato de que eu doso bastante o açúcar para a Olivia, e como tudo o que se faz em casa ela come você pode confiar que esta receita é o mais saudável possível e dar aos seus filhos também. Nesta receita aqui não vai leite condensado e vai açúcar na quantidade ideal para um bolo deste tamanho, e você pode usar açúcar demerara ou o açúcar cristal orgânico que foi o que eu usei aqui. O leite de coco você pode usar o de garrafinha, mas se tiver paciência para fazer o seu próprio leite de coco o resultado será ainda melhor. Concordo que em dias de correria fica complicado preparar, eu mesma quase não arranjo tempo para isso, então aqui eu usei o leite de coco comprado pronto mesmo. Esta receita também não contém glúten, porque utilizo farinha de milho, então se você ou seu filho tiver intolerância ao glúten pode consumir sem preocupação.

 

Gente, é sério, depois deste bolo você não vai querer mais nenhuma outra receita de bolo de milho, porque esta aqui é apenas perfeita (modesta né?! kkkk), mas é verdade, quando eu cheguei nesta versão aqui eu fiz vários testes com várias outras receitas que eu tinha (desculpa aí mãe!), mas fui aumentando uma coisinha daqui, diminuindo outra dali e agora esta é a minha receita de bolo de milho do coração, espero que se torne a sua também!

 

BOLO CREMOSO DE MILHO DE LIQUIDIFICADOR

(rende aproximadamente 12 fatias ou quadrados)

 

Ingredientes:

  • 3 espigas de milho verde (ou o conteúdo drenado de 1 lata ou caixinha)
  • 4 ovos
  • 1 xícara (chá) de leite de coco
  • 1/2 de xícara (chá) de leite (se usar leite vegetal ou zero lactose terá um bolo também sem lactose)
  • 3 colheres (sopa) cheias de óleo de coco ou manteiga em ponto de pomada
  • 1 xícara (chá) de açúcar
  • 1 xícara (chá) de mistura para polenta (farinha de milho pré-cozida)
  • 1 colher (sopa) de fermento químico em pó
  • 1 pitada de sal
  • 1 xícara (chá) de coco fresco ralado (ou coco desidratado deixado de molho em água morna por 20 minutos e depois drenado)
  • lascas de coco fresco para finalizar (opcional)

 

Bolo Cremoso de Milho de Liquificador 3_Blog Figos & Funghis

Modo de Preparo: Unte uma assadeira redonda – eu usei uma assadeira redonda de fundo removível – ou retangular com manteiga e depois polvilhe farinha de sua preferência (de trigo, de arroz, de milho ou de aveia). Preaqueça o forno a 200º. Com uma faca afiada retire os grãos de milho das espigas. No liquidificador coloque o leite de coco, o leite, o milho, os ovos, o açúcar, o sal, o óleo de coco (ou manteiga), o coco fresco ralado e a mistura para polenta e tampe. Bata até obter um creme homogêneo. Por fim junte o fermento químico em pó e bata rapidamente. Se quiser e estiver usando as lascas de coco misture-as com uma espátula à massa do liquidificador. O visual fica lindão. Despeje o creme na assadeira untada e enfarinhada e leve para assar por 30 minutos, ou até que a superfície esteja douradinha. Retire o bolo do forno, espere esfriar e desenforme.

Bolo Cremoso de Milho de Liquificador_Blog Figos & Funghis

Delicia demais né?!!! Eu amo esta época do ano porque além de ser época de milho de verdade é também a época das festas juninas e suas deliciosas comidinhas típicas! :)

 

Veja mais esta receita de bolo de milho:

Bolo de Milho e Coco com Calda Quente de Goiabada

 

Se fizer volta aqui e me conta, combinado?!

 

Beijo!

 

Frango assado com legumes

Postado em Clássicos, Comida de Fazenda, Fácil, Frango, No forno, Receitas de Família - 08 de abril de 2013

 08_04_2013_12_45_05

Quando eu era criança minha mãe fazia muito nos almoços de dia de semana esta receita de frango assado com vegetais. A receita é bem simples de fazer, e a melhor parte é que o aroma do franguinho assando toma conta da casa toda, aquele cheiro de comida boa e bem feita, sabe?

Continue Lendo …

Arroz Carreteiro

Postado em Acompanhamentos, Arroz, Clássicos, Comfort Food, Comida de Fazenda, Fácil - 07 de janeiro de 2013

Para estrear as receitinhas de 2013 eu trouxe hoje mais uma receitinha deliciosa da minha mãe, este arroz carreteiro que ela faz lindamente e que não dá para parar de comer enquanto a panela não chega ao fim, de tão bom que é! Acho que o segredo é o amor de mãe na comida, mas também a forma como ela prepara a carne seca, deixando de molho na água por algumas horas, trocando a água e depois desfiando cada pedacinho retirando toda gordura. É como eu sempre digo, quando se faz a comida com carinho e dedicação não tem como não ficar boa!

Continue Lendo …

Risoto de Frango

Postado em Arroz, Comfort Food, Comida de Fazenda, Fácil, Frango, Pratos Principais, Receitas de 30 minutos, Receitas Rápidas, Risotos - 29 de outubro de 2012

Um delicioso risoto de frango é super fácil de fazer e com poucos ingredientes você consegue um jantar incrível! Ah, sobrou aquele franguinho assado lindo do almoço de domingo? Desfiar a carne e fazer um belo risoto é uma opção a ser muito considerada.

Foi assim que eu preparei este risoto, com frango assado desfiado que sobrou do almoço, mais cenoura ralada, mais alguns temperinhos e pronto, ficou uma delícia! O desperdício nunca vale à pena, reaproveitar é a palavra chave nos dias atuais e na verdade desperdiçar chega até a ser cafona. Se eu tivesse jogado o frango que sobrou e que ainda estava em perfeitas condições de consumo eu não teria esta refeição tão saborosa.

Continue Lendo …

Arroz com frango e milho

Postado em Arroz, Clássicos, Comida de Fazenda, Fácil, Frango, Pratos Principais, Receitas de 30 minutos, Receitas Rápidas - 23 de agosto de 2012

Apesar de ter nascido aqui em São Paulo eu fui morar ainda criança no interioRRRR, e como acontece em todo interior paulista o Arroz com Frango é um prato que não falta. Sempre comi arroz com frango e achava muito bom, mas o engraçado é que até hoje eu como 80% de arroz e 20% de frango….hahahahha. O que acontece é que eu sou meio fresquinha para comer frango, e o frango assim no arroz com frango eu gosto da sobrecoxa e das lasquinhas de peito, mas a melhor parte sem dúvida alguma é o arroz do arroz com frango, que fritou naquele fundinho de panela em que o frango já foi frito antes e então este arroz fica simplesmente dos deuses pelo sabor que ele ganha. 

Continue Lendo …

Doce de Abóbora com Coco – a receita

Postado em Comida de Fazenda, Dicas, Doces, Receitas de Família, Sobremesas - 26 de julho de 2012

Vocês devem se lembrar que neste post aqui eu prometi trazer a receita de doce de abóbora da minha avó, o mesmo que ela faz há várias décadas, e também a mais amada por toda a família. Eu disse pra ela que tinha mostrado o doce que ela me mandou aqui no blog e que vários leitores me pediram a receita, então ela logo me passou, sem nenhum rodeio. É o que eu sempre digo, quem gosta de cozinhar gosta de compartilhar, de dividir o que sabe, seja pouco ou muito e minha avó sempre foi dessas de conversar sobre receitas, trocar receitas e até mesmo copiar receitas do caderno dela para as pessoas, acho tão fofo isso!

Continue Lendo …

Queijo com doce de abóbora

Postado em Clássicos, Comida de Fazenda, Doces, Receitas de Família, Sobremesas - 21 de junho de 2012

Já ouvi algumas pessoas dizendo que não gostam de doces caseiros do tipo doce de abóbora, doce de mamão, cocada, etc. Mas eu adoro! Eu cresci no interior e desde muito pequena assistia atentamente minha avó preparar doces caseiros no tacho de cobre – hoje tachos de cobre são proibidos para cozinhar, mas mesmo assim ela continua usando, basta higienizar e cuidar. Eu ficava fascinada com aquele imenso tacho, aquela imensa colher de pau e aquele mundo de abóbora temperada com açúcar es especiarias que era levado por horas no fogo, e sempre várias pessoas se revezavam para olhar e mexer. Daquele tacho saiam – e para a minha alegria ainda saem – diversos doces deliciosos feitos da melhor maneira possível: com muito amor! E assim é até hoje, minha avó faz um tantão de doce, distribui em muitos potes e depois entrega para toda a família.

Continue Lendo …

Cuscuz paulista vegetariano

Postado em Abobrinha, Clássicos, Comida de Fazenda, Fácil, Pratos Principais, Vegetarianas - 16 de janeiro de 2012

Este cuscuz paulista vegetariano é uma receita linda, muito saborosa e bem fácil de preparar. Eu já vi cuscuz de todos os tipos, mas confesso que este vegetariano é um dos meus preferidos. Se você for vegetariano ele pode ser o prato principal de um almoço ou jantar, acompanhado de arroz branco e queijo de coalho grelhado fica uma refeição “dos Deuses”. 

Continue Lendo …

Risoto Caipira de Abobrinha com Linguiça

Postado em Abobrinha, Arroz, Comfort Food, Comida de Fazenda, Inverno, Risotos - 01 de agosto de 2011

Com este friozinho bom a primeira ideia que nos vem à cabeça quando pensamos em comida são as famosas “comfort food”, ou comida que proporciona conforto falando na nossa língua. Pra mim o inverno é algo digno de risoto, aliás muito digno! No campo dos pratos salgados na minha lista preferencial entram os risotos e as sopas, e quem é que consegue resistir a um belo prato de risoto fumegante em pleno dia cinzento né? Eu não! Bom, pra quem quiser uma sugestão super fácil de risoto pode seguir esta receita aqui, que fica muito saborosa. O nome risoto caipira foi uma homenagem aos risotos da fazenda da minha avó, onde sempre tem uma panela gigante de risoto na mesa – que na maioria das vezes contém tomates, abobrinha, linguiça e pedaços de frango, e para acompanhar ovos fritos e salada verde. Este almoço é tradicional na família e faz parte de muitos dos nossos domingos. Quer se sentir “abraçado”? Faz esse risoto e depois me conta :)

Continue Lendo …

Cuscuz paulista de palmito

Postado em Clássicos, Comida de Fazenda, Fácil, Receitas Rápidas, Vegetarianas - 20 de julho de 2011

Não há como negar que apesar de todo o glamour que uma receita criativa e diferente possa ostentar, os clássicos são sempre clássicos! E assim acontece com o delicioso Cuscuz Paulista, prato típico daqui da região sudeste do Brasil à base de farinha de milho. Este prato delicioso é muito simples, bem rápido de preparar e tem um sabor divino! Na minha família em várias ocasiões do ano está o cuscuz paulista ali na mesa, imponente, bonito e colorido. O cuscuz paulista acompanha bem um almoço de domingo, uma refeição leve de dia de semana e até mesmo um bom churrasco. Há diversas composições para o cuscuz paulista, com camarão, com sardinha, com frango, com atum e também os vegetarianos, que é o caso deste que eu preparei. Decidi fazer vegetariano com bastante palmito porque a ideia era fazer um jantarzinho leve em pleno dia de semana, e deu super certo. Já fiz com frango também e com camarão e posso garantir que fica muito gostoso. Não segui receita alguma, apenas a lembrança de ver algumas mulheres da família fazendo e a minha fome. Dizem que a ervilha é um ingrediente indispensável ao cuscuz, mas eu como não sou muito fã das verdinhas preferi deixá-las de fora da receita. Olha só como é fácil de fazer:

Continue Lendo …

Arroz com Frango

Postado em Arroz, Comida de Fazenda, Fácil, Frango, Receitas Rápidas - 01 de setembro de 2010

 

Quem me acompanha sabe da minha paixão por arroz! Sim, eu não conseguiria viver sem estes grãozinhos branquinhos e deliciosos. Arroz com tudo me agrada, com carne, com legumes, com feijão, com molho e com frango, é claro! Por isso hoje eu trago pra vocês a minha receita de arroz com frango. Sou um pouco fresca pra comer frango, a carne de frango pra mim tem que estar bem limpinha, sem nada de gordura e nem pensar em encontrar um “ovni” no meu prato. Então, por conta disso o meu arroz com frango não é com aqueles pedaços inteiros de frango com osso e tudo mais, é só com cubinhos de filé de peito de frango cortados depois de examinados analiticamente. Minha mãe e minha avó fazem o Arroz com Frango tradicional, com pedaços inteiros, mas neste caso eu caço uma sobrecoxa ou um pedaço de filé do peito e como muito mais o arroz (que na verdade é a melhor parte né gente?). Desta vez eu temperei o frango com o tempero indiano tandoori que comprei no Mercado Municipal. Não fico sem este temperinho, pra mim é o tempero ideal para frango, aromático, saboroso, colorido, tudo de bom! Se você nunca usou o tandoori compre, experimente e depois me conta!  

Bolo de Aipim com Coco

Postado em Bolos, Comida de Fazenda, Doces - 31 de agosto de 2010

Quando ví este bolo no delicioso blog “Cozinha é Poesia”, da Rosana, me apaixonei! Eu amo esses bolos com jeito de comida de fazenda pois me recordo da minha infância, época em que eu passava férias inteiras na fazenda da família andando descalça, subindo em árvores, brincando na areia do rio, enfim, é muito bom poder lembrar de uma infância feliz né gente?! Sempre que vou à festas juninas e tem bolo de aipim eu me acabo de comer, mas é difícil hoje em dia encontrar este tipo de bolo nas padarias, ao menos nas padarias daqui de São Paulo. A receita original a Rosana retirou do livro: Atrás do Balcão da Padaria, da Vera Loyola, mas eu segui à risca a receita da Rosana, desta vez eu não mexi em nadinha porque achei a receita tão perfeita que se mudasse alguma coisa poderia estragar, e minha intuição estava certa, foi o melhor bolo de aipim que eu comi nos últimos tempos! Só tenho um comentário a fazer: o bolo durou menos de 24 horas! Um crime de delicioso, recomendo fortemente!
 
Bolo de Aipim com Coco
Receita original do livro Atrás do balcão da padaria, de Vera Loyola

Minha primeira Vaca Atolada e uma estréia em grande estilo!

Postado em Carnes, Comida de Fazenda, Dicas - 04 de agosto de 2010

Gente, esta vaca atolada me deixou até emocionada! Sério mesmo! Eu sempre comi vaca atolada na fazenda e em restaurantes mineiros, e a receita que me atrai para dentro de um restaurante mineiro é sempre esta. Contudo eu sempre acreditei que fosse uma receita difícil de fazer, muito trabalhosa, cheia de etapas e nunca me animava. Até que ganhei de presente de casamento uma super panela Lyon da TDC (Tramontina Design Collection) na cor berinjela (eu tinha escolhido antes, porque adoro esta cor e combina com o blog!) e na hora que abri a belezinha me veio em mente uma vaca atolada dentro dela. Achei perfeito para a panela, já que uma super panela exige uma super receita, e uma boa vaca atolada deve ser feita em altas temperaturas e cozida lentamente – é gente, às vezes uma bela receita exige mais tempo na cozinha. Eu ia deixar a estréia da panela nova pra casa nova, mas o marido ficou me desafiando e perguntava: vai colocar sua panela num quadro? Aí então acabei cedendo, só escolhi o final de semana que iria preparar a vaca atolada, porque tinha que ser um almoço de domingo para fazer sentido ficar tanto tempo na cozinha, convidei alguns amigos e voilá! Estreei minha panela roxinha e perdi o medo da vaca atolada! Tenho que admitir sem falsa modéstia que eu fiquei muito satisfeita com o resultado, a vaca atolada ficou deliciosa! Apesar de ter visto esta receita em muitos lugares – inclusive nos livros de receita da família – eu não segui nenhuma receita específica, apenas o meu feeling e também utilizando dicas preciosas de preparo de uma costela com o meu amigo Wilson, churrasqueiro exímio. De quebra, meu amigo Rafael Sartori, fotógrafo talentosíssimo levou a câmera dele e tirou várias fotos lindas pra eu mostrar aqui pra vocês. O Rafa tem um ábum no site Olhares.com e tem um perfil no Facebook com algumas fotos que ele tira, quem tiver Facebook ou estiver cadastrado no Olhares dá uma passadinha lá pra conferir que vale à pena. Vamos à receita?

Bolo de Milho Verde e Côco com Calda Quente de Goiabada Cascão

Postado em Bolos, Comida de Fazenda, Doces, No forno, Sobremesas - 01 de fevereiro de 2010

Este bolo é um dos poucos que eu não consigo resistir. É simplesmente delicioso, maravilhoso. É simples e tem cara de fazenda, jeitinho de bolo de dia chuvoso, e é totalmente compatível com qualquer tarde em que se queira comer algo saboroso e reconfortante. Garanto que você não vai se arrepender se fizer o teste, e vai acabar concordando comigo. O milho e o côco sempre combinaram muito bem, mas a caldinha quente de goiabada cascão deu o toque de sobremesa marcante que estava faltando. Enfim, uma tentação que faria até a mais rigorosa dieta cair no esquecimento, ainda que por apenas uma tarde.

Bolinhos de Abóbora com Trigo

Postado em Comida de Fazenda, Contos, Dicas, Fácil, Light, No forno, Receitas Rápidas, Vegetarianas - 03 de dezembro de 2009

Bom, voltando às receitinhas light porque nem só de bolo pode viver um ser humano, ontem preparei estes lindos e saudáveis bolinhos de abóbora com trigo em casa. Tinha algumas abóboras vindas da fazenda (que minha avó colheu e enviou pra mim) dando sopa e eu olhava pra elas havia dias pensando que receita faria. Enfim o dia chegou e tive a idéia de fazer algo leve e ao mesmo tempo com muito sabor, porque ninguém merece fazer dieta comendo coisas brancas e sem graça. Os bolinhos ficaram deliciosos e agradou ao meu exigente avaliador, hahaha. Vou falar-lhes rapidamente sobre as propriedades da nossa querida abóbora: a abóbora é uma fruta (sim, isso mesmo!) com alto valor nutritivo, riquíssima em vitamina A, que é indispensável à vista, conserva a saúde da pele e das mucosas, evita infecções e ainda auxilia o crescimento. Possui ainda Niacina, que faz parte das vitaminas do Complexo B, cuja função é evitar problemas de pele, do aparelho digestivo, do sistema nervoso e reumatismo. Tem, ainda, sais minerais como Cálcio e Fósforo, que participam da formação de ossos e dentes,construção muscular, coagulação do sangue e transmissão de impulsos nervosos. É indicada para pessoas de todas as idades por ser de fácil digestão. Laxativa e diurética, contém sementes tidas como potentes vermífugos. Portanto, temos motivos suficientes para amarmos nossa querida amiga abóbora, viram?

Cuscuz Caipira de Milho Verde com Frango

Postado em Comfort Food, Comida de Fazenda, Fácil, Frango, No forno, Pratos Principais, Queijo, Receitas Rápidas - 24 de novembro de 2009

Amo comida caipira, comida de fazenda, me recordam do interior, minha casinha de coração, onde passei uma infância e adolescência muito felizes. Uma das minhas comidinhas caipiras preferida é o cuscuz de milho. Pode ser vegetariano, apenas com milho verde, queijos, tomates, ou incluindo alguma carne, no caso usei peito de frango desfiado. E para completar o cenário de recordações, o mini refratário retangular da foto era da minha bisavó materna, Vó Lena. Delícia de receita, e não foge da proposta rápida/fácil. Só não posso dizer que é light, senão não estaria sendo honesta. Mas olha, vale a fugidinha da dieta.