Moqueca Baiana de Peixe e Camarão

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Quando estive na Bahia agora nas férias o que eu mais comia por lá era moqueca. Moqueca de peixe, de camarão, de frutos do mar, moqueca mista, e em todos os restaurantes – até mesmo naqueles de praia – há uma moqueca no cardápio, é impressionante como o baiano ama moqueca, mas os turistas também! Eu como não sou boba nem nada aproveitei as muitas moquecas provadas para investigar com os cozinheiros e cozinheiras que encontrei na viagem como era o preparo de uma legítima moqueca. Isso quer dizer que na minha bagagem além de trazer lembranças deliciosas, fotos incríveis, temperinhos, azeite de dendê, tapioca e manteiga de garrafa eu trouxe também “A” receita da legítima moqueca baiana – que dizem os baianos é bem diferente da moqueca capixaba (que também já ouvi falar que é deliciosa!). Mas chega de papo e bora lá pra receita que ao contrário do que parece é facílima de fazer e fica pronta em apenas 30 minutinhos.

Moqueca Baiana de Peixe com Camarão

(serve bem 4 pessoas)

Ingredientes:

  • 1 quilo de badejo sem pele, sem espinhas e cortado em postas altas (ou outro peixe de carne firme)
  • 500g de camarão médio descascado e limpo
  • 2 pimentões vermelhos fatiados
  • 2 pimentões amarelos fatiados
  • 3 tomates grandes fatiados
  • 2 cebolas fatiadas
  • 2 colheres (sopa) de azeite de dendê
  • suco de 1 limão tahiti
  • 3 colheres (sopa) de folhas de coentro picadas
  • 3 colheres (sopa) de salsinha picada
  • 1 pimenta de cheiro fatiada (usei esta e ainda adicionei pimenta moída)
  • sal a gosto
Modo de Preparo: Tempere as postas de peixe e o camarão com pimenta e sal. Reserve. Numa panela grande faça uma base com as cebolas fatiadas. Depois faça uma camada de tomates, uma de pimentões vermelhos, outra de pimentões amarelos, mais uma de tomates, outra de pimentões vermelhos, outra de amarelos. Tempere os vegetais com sal e pimenta. Disponha as postas de peixe sobre os vegetais. Distribua o coentro e a salsinha picada sobre as postas de peixe. Regue tudo com o suco de limão. Ligue o fogo e tampe a panela, deixando a moqueca cozinhar por 10 minutos em fogo baixo. Quando perceber que já se formou um caldo na base da panela aumente o fogo e deixe começar a ferver. Quando perceber que o peixe está quase cozido e os vegetais estão bem macios regue tudo com o azeite de dendê (que conforme explicado por quem me ensinou esta receita não precisa ferver na panela se não fica muito forte), junte os camarões à moqueca distribuindo-os por toda a panela sobre as postas de peixe. Tampe a panela e cozinhe por mais 5 minutos. Sirva com arroz branco e farofinha de cebola roxa com manteiga de garrafa*.
*Farofinha de cebola roxa com manteiga de garrafa: Derreta 2 colheres (sopa) de manteiga de garrafa numa panela e junte 2 cebolas roxas picadas. Deixe refogar em fogo baixo até que as cebolas estejam bem macias. Tempere com sal e adicione farinha de mandioca. Deixe a farinha tostar na panela com a cebola refogada por 5 minutos e desligue.

Quem me ensinou esta receita foi o guia Augusto, de Itacaré. Ele diz que aprendeu com a mãe dele, mas que aprimorou com o tempo. Para ele uma legítima moqueca baiana não leva alho, tem o coentro como ingrediente essencial, o coentro deve ser colocado na moqueca desde o início do cozimento junto com a salsinha para “dar mais gosto”, quando usa-se o azeite de dendê (conforme a receita mais tradicional) não se coloca manteiga de garrafa para a moqueca não ficar gordurosa, o azeite de dendê deve ser colocado somente ao final do cozimento para não deixar a moqueca com sabor forte demais.

Não é um prato perfeito para um almoço de domingo em família?

Bom Apetite!

13 Comentários para “Moqueca Baiana de Peixe e Camarão

  1. Oi Fabiana,
    Fazia tempo que eu queria fazer uma moqueca, aproveitei a tua receite e fiz neste fim de semana. Adorei!
    Queria saber q outros peixes eu poderia ter usado, de carne firme. Eu coloquei cação.
    Tinha comprado leite de coco pensando em usar, mas fui fiel à tua receita. Acho q deve ficar gostoso também, né?
    Abs

    • Oi Noélia, você poderia ter usado o badejo, abrotea, congrio, vermelho, pintado, cação e até mesmo bacalhau. São peixes que por terem a carne mais firme são ideais para o preparo de ensopados e receitas com bastante caldo ou molho, pois não se desmancham quando cozidos.
      Quando ao leite de coco, particularmente eu prefiro a versão que o Augusto (lá da Bahia) me ensinou, que é sem o leite de coco, acho que fica mais suave e dá para sentir bem o sabor do peixe e do camarão.
      Beijos

  2. Prezada, Fabiana, descobri seu blog há algum tempo e virei seu fã!!!! jura que nessa moqueca não vai leite de coco????
    Parabéns pelo blog!!!!

    • Oi Ricardo! Segundo o Augusto, que é baiano legítimo e cozinheiro de mão cheia, na Moqueca Baiana que eles fazem lá no Sul da Bahia não usam o leite de coco não, apenas o azeite de dendê, pois segundo ele quando agrega-se muitos sabores diferentes e fortes na moqueca o sabor do peixe e do camarão ficam “escondidos”. Mas lá mesmo eu provei moquecas com leite de coco – poucas na verdade já que a maioria tinha apenas dendê – e confesso que prefiro mesmo a versão que não leva o leite de coco.
      Obrigada pelo recado!

  3. Oi moça, hoje visitei seu blog, pois estou querendo fazer uma moqueca pro meu pai que vai chegar de MG pra passar um tempo aqui no Sul cmg, em Curitiba. Foi a receita que mais gostei, é a comida preferida dele. A farinha de manteiga de garrafa, dá pra fazer com manteiga normal?

    • Oi Fabyola, obrigada. Esta receita fica boa mesmo, pode apostar ;)
      A farofinha de manteiga de garrafa pode sim ser feita com manteiga normal, mas use aquela de tablete com sal, fica delicioso!
      Beijos

  4. Oi Fabiana,
    Fiz a moqueca no aniversário do meu marido.
    A receita é muito fácil, deliciosa e nenhum pouquinho trabalhosa! Em 20 minutos, já estava tudo temperado e na panela, faltando apenas o tempo de cozimento do peixe.
    Acrescentei mais 500 grs de mariscos e mais 500 grs de camarão. O prato ficou lindo, colorido e saboroso. Obrigada !!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>