Cuscuz com Ratatouille

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

 Na minha opinião o cuscuz (ou couscous como é chamado na França) é um dos pratos mais fáceis, mais práticos e mais versáteis de se preparar, ou seja, é aquele ingrediente que não pode faltar na sua despensa. O cuscuz é na verdade uma sêmola de trigo, que vem em caixinhas e são semiprontos para serem hidratados e preparados da forma como você preferir. Já sugeri aqui no blog diversas formas de preparo do cuscuz, e hoje eu trago a minha preferida dos últimos tempos: cuscuz ao ratatouille. A mistura com o tradicional prato francês que ficou mais conhecido ainda por aqui por conta do filme do “ratinho cozinheiro” ficou espetacular, não poderia ser melhor, e a vantagem é que como a receita leva apenas vegetais você pode servir com carne, ave ou peixe. O ratatouille original leva obrigatoriamente tomates e berinjela, mas para utilizar no cuscuz eu omiti o tomate porque não queria que soltasse muito líquido nos outros vegetais. O cuscuz não precisa ser servido somente a mesa, como refeição. Ele pode fazer parte também de um coquetel ou brunch, servido em porções individuais, em pequenos copinhos de vidro com uma colherzinha ou mini garfo. Fica um verdadeiro charme! Olha só como é fácil:

Cuscuz com Ratatouille

Ingredientes:
1 xícara de cuscuz desidratado
1 e 1/2 xícara de caldo de galinha (ou legumes)
1 abobrinha média cortada em cubinhos
1 berinjela pequena cortada em cubinhos
1 cebola roxa cortada em cubinhos
1 pimentão vermelho pequeno cortado em cubinhos
6 colheres de sopa de molho de soja
2 colheres de sopa de molho inglês
ervas desidratadas a gosto (usei cebolinha, salsa e alecrim)
4 colheres de sopa de azeite
pimenta moída na hora a gosto
sal a gosto
amêndoas sem pele levemente tostadas (para finalizar)

Modo de Preparo: Pré-aqueça o forno em 200º. Numa assadeira grande e larga espalhe bem todos os vegetais já picados. Regue com o azeite, o molho de soja, o molho inglês e tempere com sal, pimenta e ervas. Misture tudo delicadamente. Leve ao forno por 40 minutos. Enquanto isso coloque o cuscuz numa tigela e cubra com o caldo de galinha. Tampe com um prato, cubra com um pano de cozinha e deixe descansar por 20 minutos. Depois deste tempo solte os grumos do cuscuz com um garfo, deixando-o bem solto. Assim que o ratatouille estiver pronto misture-o ao cuscuz. Finalize com as amêndoas tostadas e sirva. Pode ser servido quente, morno ou frio.

Bom Apetite! 

 

11 Comentários para “Cuscuz com Ratatouille

  1. Fabiana,
    O nosso cuscuz inicialmente era feito com arroz, farinha de trigo, milheto, sorgo, passou a ser de milho no correr do século XVI.
    Julgo que o cuscuz, kuz-kuz, alcuzcus, é o prato nacional e um dos principais pratos na África Setentrional, do Egito ao Marrocos.
    Nós também utilizamos muito variantes do cuscuz.
    Beijo.
    Vânia

  2. Ai, Fabi! Tava eu aqui pensando no seu blog, e há quanto tempo não vinha aqui e porque será que eu não o via mais na minha lista de blogs.
    Tudo resolvido, caio na postagem do couscous e ratatouille, tipos… mais “boas vindas de novo, ô leitora relapsa” que isso, eu não conheço. :P

    Até dei um pulinho ao ver a receita. Amo ratatouille, AMO. E sou muito curiosa pra fazer couscous em casa, nunca fiz. Depois dessa dica, é mais que obrigação, né?

    Saudades; você está bem?
    =***

    • Oi quéroul, querida, tudo bem? Estava mesmo sentindo sua falta por aqui! Graças a Deus tudo bem, algumas pedrinhas no caminho mas vamos tirando e caminhando, faz parte né? Que bom que gostou da receita, faça mesmo! O cuscuz não tem mistério, tenho certeza que vc vai tirar de letra. Bjos

  3. Fabi!!!
    Fiquei feliz que você tenha gostado do novo blog!! Você estava bem sumida por lá.. rs..
    Eu também aaaamo cuscuz marroquino e sempre tenho em casa, o meu jeito preferido é com um ragu de carnes.. huuum…..
    Beijoca!

    • Ah Carol, a vida está num momento, digamos, frenético…mas aos poucos as coisas se ajeitam. Por isso sumi dos blogs que gosto, mas tudo vai se ajeitar. Beijos!

  4. Ó eu cá dinovo!
    Fim de semana de dia dos pais e receberei meus sogros em casa. Daí a namorada do cunhado jogou a letra que queria fazer um cuscuz com legumes. Rapidamente, me prontifiquei a fazer. Claro que eu nao sabia por onde COMEÇAR!
    Mas tendo meu fiel escudeiro Figos e Funghis, nao tive nem uma pontinha de medo!
    Amei a receita e será ela a bola da vez!

    • Que bom Bruna, muito obrigada pelo carinho! Fico feliz em saber que o blog é fonte de inspiração pra você :)
      Aposto que seu cuscuz foi um sucesso!!!
      Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *