O melhor jeito de comer mandioca!

sábado, 18 de setembro de 2010

Eu amo mandioca, e pra mim não há melhor jeito de curtir esta raiz carnuda e saborosa do que simplesmente assá-la com um fiozinho de azeite, temperos suaves, caldinho de legumes, ervinhas frescas e nada mais. É bom, mas tão bom que eu chego a pensar: se é tão gostoso comer mandioca assim de uma forma tão simples por que ficamos inventando mil e uma maneiras de prepará-la? Tão óbvio e tão reconfortante…..
Mandiocas Assadas com Azeite e Ervas
 
Ingredientes:
3 mandiocas grandes e descascadas 
sal marinho à gosto
pimenta branca moída na hora à gosto
fio generoso de azeite 
1 xícara de café de caldo de legumes (o caseiro é mais suave, se for usar o industrializado cuidado com o sal)
2 colheres de sopa de salsa fresca picadinha
folhas de alecrim
manteiga para untar
 
Modo de Preparo: Descasque as mandiocas retirando apenas aquela casca mais escura e grossa. Corte-as em 3 pedaços grandes e ajeite no fundo de uma panela de ferro que possa ir ao forno ou em um refratário para que você possa cobrir com papel alumínio. Regue com o azeite, tempere com sal, pimenta, metade da salsa e alecrim. Se estiver usando um refratário cubra-o com o papel alumínio e mantenha até o final. Se estiver usando panela de ferro tampe e mantenha fechada até o final. Leve ao forno baixo por bastante tempo, para que as mandiocas assem lentamente e absorvam o sabor do azeite e das ervas. Você perceberá quando elas estarão assadas e já amolecidas. Aí então é só retirar do forno, regar com um tiquinho mais de azeite e aproveitar esta delícia.
 
Bom Apetite!
 
Fabiana Pinfildi

13 Comentários para “O melhor jeito de comer mandioca!

  1. Concordo. Tanto o aipim quanto o inhame, eu prefiro comer da forma mais simples. Aproveitando os sabores naturais.
    Nunca testei colocar alecrim. Vou experimentar.
    Bjs e bom final de semana

  2. Fabi, vc cozinhou a mandioca antes? Digo isso, pois algumas mandiocas podem conter uma substância tóxica e o único jeito de eliminar isso é cozinhando-a e desprezando a água do cozimento. Beijo!

  3. Eu também gosto muito de aipim (mandioca). Aqui, quando quero comer ela do modo mais simples, cozinho com uma pitadinha de sal. Ainda quente, escorro a água, lambuzo com manteiga (fica derretendo) e depois salpico açúcar cristal. Fica uma delíciaaAAaaAAA… rsrsrsrs
    Experimente também!
    Abraços, Daniana
    http://cozinhasemdrama.blogspot.com/

  4. Oi Carol, eu nunca tinha ouvido falar que a mandioca possuía toxinas, mas fui pesquisar e li que apenas as mandiocas bravas possuem toxinas que se concentram principalmente nas suas folhas, látex e casca. As mandiocas novas e orgânicas possuem uma quantidade mínima que apenas é capaz de nos fazer mal se a ingerirmos em grandes quantidades e durante longo período de tempo. Retirar bem sua casca, dizem os especialistas, já é o suficiente para retirar as toxinas. Geralmente, mesmo sem saber das toxinas, eu cozinho a mandioca antes de usar nas receitas, mas quando as faço assim assadas apenas levo ao forno sem a casca, garanto que nunca me fizeram mal.
    Beijinhos,
    Fabi

  5. Oi Fabi, vc está certa, a mandioca que contem altas quantidades desta substancia é a brava. Mas como ela é muito parecida com a mandioca doce, se aconselha sempre cozinhar a mandioca antes, assim não se corre o risco. Fica como dica! Mas adorei a opçao de assar a mandioca, ja que normalmente comemos frita (que tb é uma perdiçao né! hehe) Beijo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *