Bacalhau no Forno à minha moda

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Aqui em casa nós amamos peixe, e um dos pratos preferidos do meu amore é o bacalhau. Costumo fazer à Portuguesa, receita tradicional e muito conhecida por todos, sempre segui à risca a receita da minha avó materna, que é um sucesso na família e presente todos os anos na Páscoa. Mas desta vez eu queria dar uma renovadinha na receita, queria dar uma incrementada nela e em vez de fazer na panela, decidi fazer no forno. É bem semelhante com a receita do bacalhau à portuguesa, mas coloquei muito espinafre (que eu amo) e muito grão-de-bico, que não falta aqui em casa. Pra finalizar, bastante azeite borges. Usei o Azeite de Arbequina desata vez, seguindo o conselho do orientador na degustação de azeites que fui na semana passada. Como o bacalhau é um prato com sabor marcante e muito característico ele me indicou o arbequina porque é um dos azeites mais aromáticos que a Borges tem. Eu já gostava dele e tinha em casa, acabei acatando o conselho e realmente ficou MARA! A única coisinha chata do bacalhau é o seu preço bem salgadinho, mas eu costumo comprar no Mercado Municipal central aqui em Sampa que frequento a cada 15 dias, e lá é um pouco mais barato do que nos outros lugares. Pra quem quiser testar a receita é esta:

Bacalhau no Forno à minha moda
(rende 4 porções)


Ingredientes:
4 postas largas e altas de bacalhau (usei da noruega)
2 batatas grandes, bem lavadas em fatias grossas (com a casca)
1 pimentão vermelho em fatias grossas
2 cebolas grandes em fatias
3 tomates italianos fatiados
2 xícaras de folhas de espinafre cozido e escorrido (pode usar o congelado, em folhas)
1 xícara de grão-de-bico
2 colheres de sopa de alcaparras
3/4 de xícara de chá de azeite (usei Arbequina, da Borges)
1 xícara de chá de leite
1/2 xícara de salsa fresca picada
2 pimentas dedo-de-moça sem sementes, picadas
sal marinho moído na hora, à gosto
pimenta branca moída na hora, à gosto

Modo de Preparo: Deixe o bacalhau de molho em água na véspera, durante 12 horas, aproximadamente, e troque sua água ao menos 4 vezes durante este período. Para não deixar cheiro na sua cozinha tampe a vasilha onde estiver o bacalhau de molho com um prato grande ou filme plástico e deixe na geladeira. Cada vez que for trocar a água retire da geladeira e retorne novamente. Quando perceber que o bacalhau já está sem sal escorra toda a água e reserve-o. Forre o fundo de um refratário com as fatias de batatas com a casca e cubra com as postas de bacalhau. Depois faça uma camada de pimentão, outra de tomates, de cebola, de espinafre, de grão-de-bico e repita até acabar os legumes. Salpique as pimentas picadas, tempere com o sal e com a pimenta branca, regue com leite e com azeite. Finalize com a salsa, as alcaparras e cubra com um pedaço de papel manteiga umedecido ou um pedaço de papel alumínio. Leve o bacalhau ao forno médio (220º) pré-aquecido por 20 minutos, retire-o do forno, remova o papel que está cobrindo e retorne ao forno por mais 20 minutos, agora em forno baixo. Assim que o caldo estiver quase secando e os legumes estiverem cozidos desligue e sirva com arroz branquinho. Uma delícia!
(Bacalhau montado, ainda crú)
Dica: Uma vez eu lí no blog da Dani, o www.cozinhatravessa.com.br, uma dica ótima que ela deu, que é congelar o bacalhau depois de dessalgado, achei maravilhosa a dica porque sempre que der vontade de comer bacalhau terei um pouco no congelador e não preciso me programar para deixá-lo de molho e ficar trocando sua água. Eu fiz isso, comprei 1,5 kg, não usei tudo e congelei o que ficou, bem embalado com filme PVC e depois colocado dentro de um pote plástico.
 
Bom Apetite!
 
Fabiana Pinfildi

21 Comentários para “Bacalhau no Forno à minha moda

  1. Que belo bacalhau!!!
    Deve ter ficado uma delicia
    Tens que vir a Portugal conhecer este pais fantástico e comer as nossas 365 maneiras diferentes de o comer (eu até acho que são bem mais)

    Aqui também se faz assim, ou se compra o bacalhau já congelado ou então compra-se seco depois põe-se em água durante 1/2 dias (depende se é corrente ou se é lombo) mudando a água todos os dias e depois congela-se e está pronto a usar.

    bjks

  2. hum… que cara boa!
    tô com vontades de grão-de-bico também. acho que nunca comi com peixe, mas tenho uma certeza tão grande que fica uma delícia…

    =**

  3. Sério que está em extinção o bacalhau? Nossa, que triste! Não sabia disso. Talvez por este motivo seja tão caro.

    Bimby, tenho muita vontade de conhecer Portugal sim, deve ser lindo!

    Quéroul, sua certeza está corretíssima! Grão-de-bico e peixe tem tudo a ver, pode experimentar e depois me conta.

    Beijinhos,
    Fabi

  4. adoro bacalhau, esta sua combinação ficou divina. se me permite, vou te dar uma dica, tente da proxima vez comprar no Mercantil Sta Paula, na rua da alfandega, qualidade excelente assim como o mercadão e preços melhores. como hj moro no interior depois de morar 25 anos em SP, tambem compro qtds e congelo depois de demolhado. bjs

  5. Oi Ângela, é claro que permito e agradeço demais! Muitíssimo obrigada pela dica. Da próxima vez vou até o Mercantil Santa Paula então, que ainda não conheço, mas pelo que vc disse acho que vou adorar!

    Nossa Babette, que honra ter o meu bacalhau elogiado por uma portuguesa que entende muito do assunto, obrigada!

    Beijinhos,
    Fabi

  6. Amiga ,

    Quando entrei na tua página , avisou-me que tinha um vírus , é melhor verificares.
    Adorei a receita pois cá em casa adoramos bacalhau,
    bjs

  7. Fabi, estou tentando acessar a sua página e esta dando mensagem de vírus e uma mensagem do Java tbém…

    Bom, mas não foi para isso que vim aqui, e sim para dar uma espiadinha nesse bacalhau delicioso, adorei todos os ingredientes. Anotei aqui!

    Bjo gde, Dani :)

  8. Oi meninas, obrigada por avisar sobre o aviso de vírus. Na semana passada tive problemas com isso e eram dos banners do anunciante, vou verificar se é isto novamente.

    Beijos,
    Fabi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *