Torta Rústica de Brócolis, Tomates e Brie

quarta-feira, 09 de dezembro de 2009

Ontem eu estava com vontade de fazer uma torta, de preferência que fosse bem fácil e rápida, mas procurei em alguns livros e não encontrei nada que me atraísse, então, peguei o telefone, liguei para minha mãe e pedi alguma sugestão, eis que a D. Letícia, como sempre, tinha uma carta na manga. Tirou de seu livro de receitas antigo esta receita de torta que na verdade se chama “Pizza da Nona”. Quando peguei a receita não consegui entender muito bem como daria certo, mas como não se duvida de palavra de mãe, confiei e fui fazer o jantar. A receita é muito fácil, a massa fica muito boa, mas tenho que ser honesta e dizer que não é light! É uma massa daquelas de nona mesmo, fica consistente e bem saborosa, mas uma fatia (ou melhor, um quadrado) é o suficiente para saciar até os mais famintos. É um lanche perfeito para aqueles dias que se quer cortar e comer com as mãos saboreando um bom vinho. O nome Torta Rústica foi dado porque depois de pronta ela se parecia muito mais com torta do que com pizza. Confort Food total, conforme nos ensina a querida Nigella.
Ingredientes:
Para a massa:
3 xícaras de farinha de trigo especial
1/2 xícara de óleo de canola
1 colher de chá de fermento em pó
1 ovo
1 xícara de chá de leite
1 colher de café de sal
Para a cobertura:
1/2 lata de tomates pelados com o suco
2 xícaras de chá de brócolis caipira crú (separados em mini bouquets)
2 xícaras de chá de tomate cereja cortados ao meio
10 fatias de queijo Brie
3 colheres de sopa de manjericão fresco
azeite ao seu gosto (usei um azeite de manjericão)
pitada de pimenta-do-reino
sal ao seu gosto
suco de 1/2 limão siciliano (pode ser tahiti se preferir)
Preparo: Inicie com a massa. Misture todos os ingredientes em um recipiente e misture bastante com as mãos até formar uma massa homogênea, ou se preferir, utilize uma colher tipo pão-duro. A massa ficará bem grudenta e mole, mas é assim mesmo. Unte uma forma quadrada e espalhe a massa sobre ela. Faça furos na massa com um garfo. Faça um purê com os tomates pelados, amassando-os e misturando-os ao suco. Espalhe este purê de tomates sobre a massa. Arrume o brócolis sobre o purê de tomates e em seguida os tomatinhos. Regue com bastante azeite. Tempere com pimenta, sal e suco de limão. Salpique as folhas de manjericão e leve ao forno médio pré-aquecido por aproximadamente 30 minutos. Retire do forno, e imediatamente arrume as fatias de brie sobre a torta (que irão derreter apenas com a temperatura do alimento) e regue com mais azeite! Uau, uma delícia engordativa! Mas as vezes também é bom vai, sou filha de Deus!
Sugestão de Vinho: Para acompanhar esta torta, abrimos um vinho tinto argentino chamado Trapiche Varietales, predominando Malbec. É um vinho mais fortinho, é bem escuro (bordô escuro) e encorpado. Não sou uma especialista em vinhos, longe disso, mas achei que caiu muito bem com a tortinha. Além disso é um vinho bem acessível.

Bom Apetite!

Fabiana Pinfildi

15 Comentários para “Torta Rústica de Brócolis, Tomates e Brie

  1. Que delíca de trota, Fabi!!!
    E essa cobertura é tudo de bom! Queijo brie, tomatinho cereja, brócolis….tudo o que eu amo!!!! rs
    Parabéns!!
    Beijocas!

  2. Oi querida, vim retribuir sua visita, e também já estou a te seguir, dei uma olhadinha no seu blog e gostei muito, volto com mais tempo para aprecia-lo melhor. beijinhos

  3. Oi Fabiana. Estou conhecendo seu blog, atraves do Cozinha Travessa e estou amando as receitas. Estou com uma dúvida em relação ao fermento que vc usou na torta. Ele é o Royal ou o biológico em pó?
    Preciso muito testar esta receita. É que aqui na minha cidade, tem uma senhora, que veio da Itália e faz uma torta bem parecida com esta, usando somente tomates e queijos como cobertura. Só que a danada da senhorinha não dá a receita nem por decreto! Ficamos todos desesperados de vontade! Acredito que sua receita irá nos salvar!!!
    Um grande beijo e parabéns pelo blog.. Já virei fã!

  4. Jú, me desculpa a demora em responder, mas os posts antigos vão ficando pra trás e eu não percebo as perguntas.
    Eu uso fermento químico mesmo, tipo Royal, e dá super certo. Tenta e depois me conta ok?
    Bjinhos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *