Corstini de Brie com Doce de Leite

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Esta foi uma experiência daquelas que eu chamo de invencionices bem sucedidas. Fazer crostinis ou bruschettas com queijo brie não é novidade, ok. Mas misturar nela um doce de leite eu achei um pouco arriscado, pelo menos nunca tinha visto antes, mas o resultado não poderia ser melhor. Maravilhoso. Além disso é uma entradinha muito rápida, fácil e charmosa para servir em um jantar acompanhada de prosecco bem gelado. Também é ideal para ser degustada naquelas sessões de comidinhas de romance que eu já postei aqui antes, lembram?
Ingredientes:
1 pão australiano pequeno cortado em fatias médias
1 queijo brie de aproximadamente 150grs
4 colheres de sopa de doce de leite Aviação (não é propaganda, é porque é BOM mesmo!)
Preparo: Disponha as fatias de pão australiano em uma assadeira. Leve ao forno pré-aquecido a 200° por 5 minutos. Retire do forno e distribua uma fatia generosa de brie sobre cada pão. Retorne ao forno por mais 10 minutos. Retire do forno e passe uma colher de sopa de doce de leite sobre cada fatia de queijo ainda bem quente e quase derretido. Uma verdadeira tortura para a dieta!
Verdadeira delícia!
Fabiana Pinfildi

6 Comentários para “Corstini de Brie com Doce de Leite

  1. Eu jamais penseria nisso. A viscosidade do brie tradicionalmente pede geléia de cítricos, mas se você está dizendo que é bom eu acredito e vou experimentar assim que a dieta permitir!!!

    Bjs

  2. Olá Fabiana, vim agradecer a visitinha que fizeste ao me blog, fico muito feliz e agradeço por estar me seguindo. Gostei muito daqui pois logo de cara encontrei alguns dos meus ingredientes preferidos, bacalhau, queijos, vinhos, macarrão…etc…tudo de muito bom gosto. Parabéns!
    Estarei sempre por aqui e fique a vontade para fuçar a minha cozinha também, ok? Bjuss!!!

  3. Fabi, tô com água na boca.
    Preciso agora nem que seja de um queijinho de minas mesmo, com o docinho bem molinho.

    A gravidez tá ótima. Ainda não fiz ultrassom pq tá bem no comecinho, mas não vejo a hora. O que tá me dando trabalho é a minha caçula felina, a Cacau, que teima em não tomar os remédios tão importantes pra ela e ainda machuca o "papai" quando ele vai tentar essa empreitada. Mas vamos conseguir…

    Bjos pra vc e pra Tiffany.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *